Biografia

Giorgia Conceição

Artista e pesquisadora curitibana (vivendo atualmente entre Rio de Janeiro – Curitiba – Salvador), Giorgia trabalha com linguagens contemporâneas diversas, mas que tem em comum o corpo e a produção de imagens como propulsores para a criação. Produz trabalhos solo, em colaboração com outros artistas e pela Companhia Silenciosa, da qual é uma das fundadoras (Curitiba, desde 2002). Performer, atriz, diretora, figurinista, cenógrafa, designer gráfica. Possui Bacharelado em Artes Cênicas com habilitação em Direção Teatral, pela Faculdade de Artes do Paraná; e Especialização em Literatura Dramática e Teatro pela UTFPR. É Mestranda em Artes Cênicas pela Universidade Federal da Bahia, é bolsista CAPES, e dedica-se atualmente à elaboração da dissertação intitulada “A Burla do Corpo: estratégias e políticas de criação.”

Foi contemplada com importantes prêmios nacionais como o Programa Rumos Itaú Cultural Teatro 2011-2012 (pesquisa “Salsichão no Boquerão/Tainha na Prainha”); e Rumos Dança 2009-2010, Cartela Videodança (videodança “Simpatia Full Time”); o Prêmio Funarte Klauss Vianna de Dança 2008 (espetáculo “Simpatia Full Time”) e Prêmio Funarte Myrian Muniz de Teatro 2008 (espetáculo multimídia “Burlescas”). Participou do Festival Panorama 2011, dentro da programação do II Encontro Ibero Americano Com.Posições.Políticas (com a performance “Elíptica”, e a conferência “Burla e Erótica: uma epistemologia do salmão”); do Conexão Dança Ano IV (São Luís do Maranhão, 2012), ministrando workshop e apresentando o solo “Technomaravilha”; e do V Interação e Conectividade (Salvador, 2011), com as performances “Surpresa!” e “Salmon Nela”.

O videodança “Simpatia Full Time” foi exibido em diversos festivais no Brasil e América Latina, e também no MADATAC – Muestra de Audiovisual Contemporáneo, em Madrid (Espanha, 2010), no qual obteve o “Prémio a la obra más innovadora del Festival”.

Em 2011, realizou o projeto de artes visuais e intervenção urbana “Walesa Iconográfica – As Aventuras de uma Garota nos Centros da Cidade”, através da Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Curitiba, ocupando performaticamente as ruas e logradouros da capital paranaense. Em 2012, será uma das performers do trabalho “Japan Syndrome step 2 – Inside of the ball”, de Tadasu Takamine, com estreia no Kyoto International Performing Arts Festival (Japão) e apresentações no Festival Panorama 2012 (Rio de Janeiro) – trabalho este realizado em parceria entre os dois festivais. Ainda este ano, foi convidada pelo Festival Ex-Teresa Arte Actual, na Cidade do México, para apresentar a performance “Technomaravilha”.

Giorgia possui um perfil no site Vimeo®, onde é possível encontrar diversos trabalhos seus (para video ou registros de performance), incluindo alguns dos mencionados.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s